Surto de ebola no Congo é tão mortífero quanto o registrado em 1970

Fonte: Jovem Pan

Agência EFESegundo o Ministério da Saúde do Congo, 280 pessoas morreram em decorrência da doença ao longo de 2018 no país

O mais surto de ebola registrado no Congo neste ano foi tão mortífero quanto o identificado na década de 1970 no país. Neste domingo (9), o Ministério da Saúde informou que 280 pessoas morreram em decorrência da doença ao longo de 2018.

Até 7 de dsezembro, foram notificados 489 casos, dos quais 441 já foram confirmados. Estão sob investigação os outros 48.

O primeiro surto de ebola no Congo foi registrado em 1976. Com uma taxa de mortalidade de quase 90%, naquela ocasião morreram 280 pessoas por causa do vírus, dos 318 casos que aconteceram.

A atual epidemia é também a segunda maior de todo o mundo em número de notificações, superando a registrada em Uganda entre 2000 e 2001, quando foram contabilizados 425 casos e 224 mortes. Os dados só estão atrás do surto declarado em 2014 na Guiné, de onde se expandiu para Serra Leoa e Libéria.

*Com informações da Agência EFE

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s